• Ultimas notícias

    quarta-feira, 30 de março de 2016

    Por alívio na crise, atacante cogita até retranca para vencer Rio Claro.


    Na tentativa de amenizar a crise que atravessa, o Palmeiras enfrenta o Rio Claro às 20h30 (de Brasília) desta quinta-feira, no Pacaembu. O atacante Rafael Marques, em busca da vitória a qualquer custo, cogita até montar uma retranca para bater o frágil adversário pelo Campeonato Paulista.

    “Esse é o momento de vencer, e não de convencer. Independentemente de como seja: por 1 a 0, por meio a zero, de bico, como for. É o momento de buscar o resultado positivo, porque só assim vamos ter tranquilidade para trabalhar e as coisas positivas vão aparecer”, disse o atleta.

    Há seis jogos sem ganhar (quatro derrotas e dois empates), o Rio Claro tem apenas nove pontos e divide com o Capivariano a condição de pior time do Campeonato Paulista entre os 20 inscritos torneio. Experiente, Rafael Marques fala com cautela sobre a partida.

    “Vou bater nessa tecla novamente: é o momento de ganhar de qualquer forma, nem que seja fazendo um golzinho e depois jogando os 90 minutos retrancado. Podemos jogar bem, perder e ver as coisas piorarem. Futebol é resultado. Sabemos que é disso que precisamos agora”, reiterou.

    Ainda em busca da primeira vitória sob o comando do técnico Cuca, o Palmeiras perdeu nas últimas rodadas do Campeonato Paulista para os modestos Audax (2 x 1), Red Bull (2 x 1) e Água Santa (4 x 1). Titular nos últimos dois jogos, Rafael Marques está escaldado.

    “É uma equipe menor no futebol brasileiro, mas temos exemplos que aconteceram com a gente e não queremos que aconteçam de novo. Precisamos entrar ligados: marcar como um time pequeno e atacar como um time grande para buscar o resultado”, afirmou.

    O treino de terça-feira, realizado em Atibaia, terminou com o time titular formado por Fernando Prass; Jean, Thiago Martins, Vitor Hugo e Egídio; Matheus Sales, Arouca e Robinho; Gabriel Jesus, Allione e Alecsandro. A possibilidade de iniciar a partida contra o Rio Claro entre os reservas não é motivo de insatisfação para Rafael Marques.

    “O Cuca está procurando a melhor escalação, é normal. Caso não jogue, não vou ficar chateado. Já deixei claro que meu objetivo sempre vai ser ajudar o Palmeiras, atuando ou não. Quero que o time acerte logo, independentemente de eu estar em campo. Quanto mais rápido sairmos dessa situação, melhor”, afirmou.

    Fonte: Gazeta Esportiva

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Total de visualizações de página

    Fashion

    Beauty

    Culture