• Ultimas notícias

    segunda-feira, 11 de abril de 2016

    Mesmo com gols em jogos seguidos, Barrios deve seguir no banco.


    Em 2016, Lucas Barrios só não teve problemas físicos para defender a seleção paraguaia, e deve continuar como reserva do Palmeiras no decisivo jogo desta quinta-feira, contra o River Plate uruguaio, pela Copa Libertadores da América. Apesar de ter marcado gols decisivos nas duas últimas partidas, o atacante ainda não convenceu Cuca de que possui condições físicas para ser titular.

    “O Barrios não jogou nenhuma partida inteira neste ano. Está buscando condicionamento ideal e o ritmo de jogo dentro das partidas e tem sido importante pelos gols que tem feito. Preciso ter calma e cuidado para fazer as coisas certinhas”, comentou o técnico, indicando que deve repetir a utilização do jogador só na etapa final.

    “Podemos até colocar o Barrios como titular, mas, e se eu precisar de mais atacantes, vou fazer o quê? Preciso analisar, entender o que podemos e que ele não tem condição de aguentar 90 minutos. Pode ser melhor para o segundo tempo”, prosseguiu o treinador, que precisa da vitória e também tirar diferença de três gols de saldo, além da vitória do Nacional sobre o Rosario Central, no Uruguai, para classificar.

    Recuperado de seguidos problemas físicos, Barrios saiu do banco para fazer gols no empate por 3 a 3 diante do Rosario Central, na Argentina, na quarta-feira, e também na vitória por 2 a 1 sobre o Mogi Mirim, nesse domingo, que classificou o Palmeiras para as quartas de final do Paulista como líder da chave. Para alegria do camisa 8.

    “Estou muito feliz por ajudar o time com gol. Um jogo às quatro horas da tarde, com esse calor… Fizemos um esforço muito grande. A bola sobrou, peguei de primeira e, por sorte, foi gol”, comemorou o atacante, lembrando como aproveitou o cruzamento de Jean em Mogi Mirim, mas sem cobrar Cuca publicamente.

    “Trabalho para ser titular, mas quem decide é o treinador. Tive lesões que me atrapalharam e recebi muitas críticas. Mas o time sempre me acompanhou nesse momento muito difícil. Aos poucos, estou melhorando fisicamente e quero jogar sempre. Só que, às vezes, as coisas não acontecem como queremos”, lamentou Barrios.
    Fonte: Gazeta Esportiva

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Total de visualizações de página

    Fashion

    Beauty

    Culture