• Ultimas notícias

    terça-feira, 31 de maio de 2016

    Palmeiras pode ter retorno de Tobio e aguarda proposta por Mouche.


    Campeão argentino com o Lanús, o atacante Pablo Mouche, que pertence ao Palmeiras, pode permanecer em seu país de origem.

    Emprestado ao Lanús até o dia 22 de junho, o jogador é apontado como possível reforço do Boca Juniors para a semifinal da Taça Libertadores da América – o duelo por uma vaga na decisão será contra o Independiente Del Valle, do Equador.

    O vínculo com o Palmeiras vai até o meio de 2019, mas Mouche vive boa fase na Argentina e quer continuar jogando por lá. 

    Ciente do tamanho do elenco atual do Verdão e da forte concorrência na equipe comandada por Cuca, o atacante deixou claro, em entrevista recente ao GloboEsporte.com, que a sequência de jogos no Lanús foi importante para que ele retomasse a confiança e “decolasse” novamente.

    A diretoria aguarda uma oferta, mas não deve se opor a um possível novo empréstimo de Mouche. No momento, são nove atacantes à disposição de Cuca: Dudu, Róger Guedes, Alecsandro, Cristaldo, Erik, Luan, Rafael Marques, Lucas Barrios e Gabriel Jesus.

    Por outro lado, há chance de outro argentino reintegrar o elenco alviverde. Tobio, cujo contrato de empréstimo para o Boca Juniors se encerra também em 22 de junho, tem valor de compra fixado em US$ 2,5 milhões de dólares (aproximadamente R$ 8,9 milhões). Até agora, o clube argentino não manifestou grande interesse em seguir contando com o atleta.

    Tobio pode voltar ao Palmeiras após empréstimo ao Boca Juniors (Foto: Divulgação / Boca Juniors)

    No caso do defensor, os responsáveis pelo futebol do Palmeiras têm uma postura clara: se o Boca Juniors pagar o valor em questão, ele fica na Argentina. Se não, volta ao clube para aguardar novas propostas.

    No momento, a diretoria tenta buscar um novo destino para Leandro Almeida, que treina em horários distintos do restante do elenco. Nathan já partiu, emprestado para o Criciúma. Em breve, chegará Yerry Mina, contratado do Independiente Santa Fé, da Colômbia. Os espaços para o zagueiro também seriam reduzidos.

    A eficiência da diretoria do Palmeiras para emprestar jogadores que não seriam aproveitados no elenco, no início desta temporada, foi grande. O maior responsável pelo contato com outros clubes foi o gerente de futebol, Cícero Souza, que comanda o departamento ao lado do diretor Alexandre Mattos. 

    Fonte: Globo Esporte

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Total de visualizações de página

    Fashion

    Beauty

    Culture