PUBLICIDADE

Colegas já tentam proteger e incentivar Leandro Almeida no Verdão.


No intervalo do empate diante do São Bento, nessa quinta-feira, minutos após entregar a bola para Morais e levar um drible humilhante no segundo gol adversário, Leandro Almeida se alongaria nas entrevistas quando foi puxado por Fernando Prass. O gesto é um exemplo da postura que o elenco terá com o zagueiro, que passou o resto do jogo vaiado e já teve sua saída do time titular anunciada por Marcelo Oliveira.

O abatimento de Leandro Almeida pelo lance foi nítido. O jogador já vinha sofrendo críticas da torcida desde que chegou, no meio do ano passado, e, depois da falha grotesca no Pacaembu, se desestabilizou ao dar uma furada no segundo tempo e levar cartão em falta desnecessária. O zagueiro até demorou a fazer o exame antidoping, tamanha a tensão pela noite que teve.

“A torcida pega no pé de todos, está no direito dela. Mas o Leandro Almeida é um cara com grande coração, excelente profissional, excelente jogador”, defendeu Gabriel Jesus, apenas um dos atletas que prometem apoiar o colega, que tem contrato com o Palmeiras até a metade de 2019.

“O erro faz parte. Para a gente lá atrás, é muito mais complicado porque, normalmente, fica muito mais visível. Mas precisamos ter consciência de tudo que fizemos. Não podemos achar que o jogo empatou por causa de um erro individual. Se a gente quer melhorar, tem de ver os erros do time, não uma jogada isolada”, analisou Prass.

Parceiro de Leandro Almeida na zaga nas duas últimas partidas, Vitor Hugo lembrou que também teve um erro grotesco, mas se recuperou a ponto de ser idolatrado por alguns torcedores – em seu primeiro Derby, em fevereiro do ano passado, o zagueiro quis recuar para Fernando Prass e acabou tocando para Petros fazer a assistência para o gol de Danilo, o único da derrota no Palestra Itália.

“Temos de abraçar, dizer que estamos juntos, dar força. Errei no começo do ano passado e vi a importância que tem quando mostram que estamos juntos. Todos ali dentro são passíveis de erro. Temos de conversar muito com ele para ajudá-lo a superar. É um jogador experiente e vinha de uma sequência muito boa, passando uma segurança tremenda. Confiamos no trabalho dele, vai nos ajudar muito”, apostou Vitor Hugo.

Até Marcelo Oliveira, logo após anunciar a saída de Leandro Almeida do time titular minutos depois do frustrante empate dessa quinta-feira, tentou passar confiança ao zagueiro que se complicou ao não dar um chutão no Pacaembu.

“O Leandro Almeida foi da base do Atlético-MG comigo e jogou muito bem lá, por isso foi comprado por uma equipe ucraniana e foi muito bem lá. Foi muito infeliz contra o São Bento, mas tem o apoio dos colegas”, falou o técnico, que passará a dar chance ao recém-contratado Roger Carvalho enquanto Edu Dracena não se recupera de lesão na panturrilha direita – deve voltar para a estreia na Libertadores, no dia 16.
Fonte: Gazeta Esportiva

Postar um comentário

Copyright © Tv Palmeirense | Portal de Vídeos do Palmeiras. Blogger Templates Designed by OddThemes