PUBLICIDADE

Para não-sócios, Libertadores tem preço mais salgado para palmeirenses.


Se existe a tese de que um show vale em relação à importância e ao tamanho dele, o Palmeiras pode comprová-la. Contra o Rosário Central-ARG, na quinta-feira, o time alviverde estreará em casa na Libertadores com os ingressos comuns mais caro, ou seja, aqueles destinados para os não-sócios do clube.

Segundo levantamento realizado pelo ESPN.com.br, que contabilizou os preços inteiros de entradas de cada setor do Allianz Parque a torcedores que não aderiram ao programa "Avanti", eles pagariam, em média, R$ 144 para assistir o time na principal competição do continente.

O ingresso mais barato para a partida do Palmeiras diante dos argentinos, para a cadeira "Gol Norte", custou R$ 90. Na sequência vem o da Cadeira Superior (R$ 120), seguido pela Cadeira Gol Sul (R$ 140), Cadeira Central Leste (R$ 170) e Cadeira Central Oeste (R$ 200).

Dos times brasileiros, o Corinthians é o menos careiro para sua torcida comum. Em média, os corintianos não aderentes ao programa "Fiel Torcedor" pagaram R$ 80 para entrar no jogo contra o Santa Fe-COL, desta quarta.

Para se ter uma ideia, o ingresso mais barato desse tipo, correspondente às arquibancadas Norte e Sul da Arena Corinthians, é quase metade do menos custoso disponibilzado pelo rival alviverde: R$ 50.

Gremistas também pagam caro; São Paulo se aproxima do Corinthians

Mas não são só os palmeirenses que reclamam de ingressos caros na Libertadores. O Grêmio, que enfrenta a LDU-EQU também nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), colocou à venda nove tipos de ingressos para os nove diferentes setores.

O mais barato custa R$ 60 (Arquibancada Norte), mas, em média, o torcedor tricolor fora dos programas "Ouro" e "Diamante" têm de desembolsar, em média, R$ 124,40 para uma entrada na Arena da equipe no torneio.

Dentre os brasileiros, o São Paulo foi o que mais se aproximou dos preços corintianos a não-sócios. Na estreia pouco exitosa diante do The Strongest-BOL, no Pacaembu, foram comercializados oito setores do estádio municipal, a preços que variaram de R$ 60 a R$ 140.

Em média, os torcedores da equipe paulista dispenderam R$ 91,25 em média para assistirem a derrota por 1 a 0 para os bolivianos, que encerrou um jejum de 34 anos sem vencer fora de casa na Libertadores.

Atlético-MG "se esquece" de não-associados

O Atlético-MG é o único time brasileiro que não entra nas contas. Isso porque a equipe de Robinho, Pratto, Dátolo e companhia disponibilizou apenas ingressos a associados do programa "Galo na Veia" para a estreia do clube na Arena Independência, no triunfo sobre o Independiente del Valle-EQU, por 1 a 0.

A ação visa dar prioridade àqueles que gastam mensalmente com o "Galo" e, consequentemente", aumentar o número de associados.

Para o jogo contra os equatorianos, a proposta deu certo: cinco dias antes do confronto, todas as entradas já haviam se esgotado e 20.851 pagantes estiveram presentes. A renda foi de R$ 1,2 milhão.

Fonte: ESPN

Postar um comentário

Copyright © Tv Palmeirense | Portal de Vídeos do Palmeiras. Blogger Templates Designed by OddThemes