PUBLICIDADE

Tempo vira arma para Palmeiras reverter situação na Libertadores.


Com três dias de trabalho e um treino com o time titular, Cuca perdeu em sua estreia e viu o Palmeiras se complicar na Libertadores. Após o jogo contra o Nacional (URU), o time tem só 23% de chances de classificação às oitavas de final no grupo 2, segundo o matemático Tristão Garcia. Se os números não empolgam, o intervalo de quase três semanas até a decisão contra o Rosario Central (ARG) é o que mantém a esperança no clube.

O novo técnico chegou segunda e pouco conseguiu fazer, tanto que a equipe que jogou melhor na etapa final em Montevidéu era basicamente a mesma que Marcelo Oliveira usava. Tendo cinco jogos pelo Paulista, incluindo o Dérbi, antes do reencontro com os argentinos, Cuca terá que começar a dar sua cara ao Verdão neste período.

– Vamos fazer de tudo. Este tempo vai ser bom, porque houve uma mudança no comando e agora tem um tempo a mais pra trabalhar até o jogo na Libertadores – analisou Fernando Prass.

Embora um empate no Gigante de Arroyito mantenha o Verdão com chances (muito remotas) de classificação, Cuca sabe que será preciso vencer o Rosario para manter-se vivo na briga por uma vaga.

Até lá, o treinador terá a sequência no Paulista e o seu primeiro clássico para corrigir o posicionamento de sua defesa, tornar o meio-campo mais criativo e fazer os jogadores atuarem mais próximos em campo. Serão 18 dias de muito trabalho na Academia de Futebol.

Opinião de Thiago Ferri, repórter do LANCE!

Clube pode pagar por ter feito o 'certo'

É rotina criticarmos quando um clube troca de técnico por não dar sequência a um projeto. Pois o Palmeiras pode pagar por ter feito o "certo" com o criticado Marcelo Oliveira. 

O treinador já vinha mal antes do título da Copa do Brasil, mas a diretoria quis dar-lhe a chance de fazer o trabalho do início. Não funcionou e o time continuou com futebol pobre. A troca foi feita talvez tarde demais, pois Cuca pouco pôde fazer antes do jogo que complicou o Alviverde.

O momento ideal para mudar talvez fosse após a vitória no sufoco sobre o Rosario. A derrota para o Nacional, no Allianz e com um a mais uma semana depois, é o que agora pesa contra. Vacilar em casa não é permitido na Copa Libertadores.

Ainda assim, uma vitória na Argentina mantém o Verdão bem vivo. O problema é vencer na Argentina o bom time do Rosario Central. A eliminação precoce será frustrante diante do que se gastou. Como no Palmeiras as coisas nem sempre funcionam de forma lógica, o “certo” pode acabar com o primeiro semestre.
Fonte: Lancenet!

Postar um comentário

Copyright © Tv Palmeirense | Portal de Vídeos do Palmeiras. Blogger Templates Designed by OddThemes