PUBLICIDADE

Sem jogar há 229 dias, Cleiton Xavier supera período fora de Gabriel.


O meia Cleiton Xavier completa nesta segunda-feira 229 dias consecutivos sem disputar uma partida de futebol. Assim, ele supera o período de afastamento do volante Gabriel, que sofreu grave lesão no joelho no ano passado e já foi escalado como titular pelo técnico Cuca no Palmeiras.

Na 16ª rodada do Campeonato Brasileiro 2015, disputada em 2 de agosto, Gabriel sentiu a lesão durante a derrota por 1 a 0 contra o Atlético-PR, no Palestra Itália. O volante sofreu ruptura no ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo e passou por cirurgia no mesmo mês.

Um dos principais jogadores da equipe até então, Gabriel teve processo de recuperação bem-sucedido. Duzentos e vinte e sete dias depois de sofrer a lesão, o volante foi escalado como titular pelo estreante Cuca na derrota por 1 a 0 do Palmeiras contra o Nacional-URU, pela quarta rodada da Copa Libertadores, em Montevidéu.

Já Cleiton Xavier disputou um jogo oficial pela última vez em 19 de agosto de 2015, data do triunfo por 2 a 1 sobre o Cruzeiro. Na primeira partida das oitavas de final da Copa do Brasil, realizada no Palestra Itália, o meia foi escalado como titular e marcou o único gol em seu retorno ao clube antes de ser substituído pelo volante Amaral.

Desde então, o Palmeiras disputou um total de 44 partidas oficiais sem a presença do meia. Cleiton Xavier foi relacionado pelo técnico Marcelo Oliveira para a decisão da Copa do Brasil 2015 contra o Santos, mas viu seu time ser campeão da beirada do gramado do Palestra Itália.


O volante Gabriel foi titular do Palmeiras no clássico diante do Corinthians (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)

No treinamento do último sábado, enquanto Cuca preparava o time para enfrentar o Corinthians, alguns atletas fizeram movimentação em campo reduzido e, de acordo com informação publicada pelo Palmeiras por meio de seu site oficial, Cleiton Xavier participou normalmente.

Diferentemente de Gabriel, inscrito no Campeonato Paulista e na Copa Libertadores, Cleiton Xavier por enquanto foi relacionado pelo Palmeiras apenas para a disputa do torneio continental. “Está há muito tempo parado, ainda está voltando”, disse Cuca sobre o meia no final da última semana.

O atleta passou de forma bem-sucedida pelo clube de 2009 a 2010. Após a série de lesões vividas em 2015, com o time ávido por um camisa 10, o presidente Paulo Nobre esperava ver Cleiton Xavier recuperar a velha forma em 2016, o que ainda não ocorreu.

Recontratado pelo Palmeiras no começo de 2015, o meia sofreu cinco lesões musculares. Em sua volta ao clube, disputou 17 partidas – nove vitórias, três empates e cinco derrotas (58% de aproveitamento). Ele veio do banco em 13 ocasiões, foi titular e acabou substituído em três e atuou durante 90 minutos uma única vez.

Graças aos números de sua primeira passagem pelo Palmeiras, Cleiton Xavier, com 107 partidas disputadas pelo clube, é superado no atual elenco apenas pelo goleiro Fernando Prass (175) e pelo atacante Luan (115). Ainda em recuperação, ele pode usar como exemplo o ano de 2009, em que participou de 61 jogos.
Fonte: Gazeta Esportiva

Postar um comentário

Copyright © Tv Palmeirense | Portal de Vídeos do Palmeiras. Blogger Templates Designed by OddThemes